Extensão de visto para Bali, Indonésia. Foto: Adriana Lage

Extensão de visto para Bali, Indonésia: como pedir

Estou prevendo que você pisará nessa ilha mágica já pensando em como solicitar a extensão de visto para Bali, Indonésia. Somente quem esteve lá entende a energia que paira sobre aquele lugar.

Neste post explico todas as opções e os passos sobre a extensão de visto para Bali e outros destinos na Indonésia como turista para você não errar e correr o risco de ser deportado.

Extensão de visto para Bali, Indonésia: opções

Você está programando viajar para a Indonésia a lazer e deseja ficar mais de 30 dias no país. O procedimento é simples, mas parece confuso para muitas pessoas. Por isso, muitos turistas enfrentam problemas na hora de entrar na Indonésia e, dependendo de como agem, podem ser impedidos de entrar no país e até banidos por vários anos.

Existem três possibilidades. Uma é solicitar o visto no Brasil e as outras duas são procedimentos a cumprir quando você já estiver em solo indonésio.

Abaixo descrevo os detalhes de cada caminho.

Planeje sua viagem pegando no Pinterest todas as minhas dicas divididas por país ou temas. Acesse este link e siga o A Camminare para não perder as novidades.
Praias de azul sem fim no sul de Bali. Foto: Adriana Lage
Praias de azul sem fim no sul de Bali. Foto: Adriana Lage

1. Visto de turismo gratuito de 30 dias com bate e volta a Singapura ou Malásia

A primeira opção e a mais utilizada pelos viajantes é entrar na Indonésia com o Visit Visa Exemption. Desde 2015 ele é gratuito, numa tentativa do governo para atrair mais turistas ao país.

O visto é emitido pelo oficial no guichê de imigração assim que você desembarca. Esse visto lhe dá o direito de permanecer no país por no máximo 30 dias.

Quando a data de expiração do visto se aproximar, viaje para Singapura ou Kuala Lumpur por alguns dias. Depois regresse a Bali ou outra cidade na Indonésia para mais 30 dias. O valor das passagens aéreas da empresa low-cost AirAsia são convidativos e ambos destinos valem o bate e volta.

Ressalto que nesta modalidade, o visto não pode ser estendido após sua entrada no país. É obrigatório deixar a fronteira antes de vencerem os 30 dias.

Explico com detalhes como conseguir o Visto para Bali e Indonésia gratuito neste outro post.

Leia nossos posts sobre Singapura e Kuala Lumpur para te ajudar a decidir.

Entardecer em Cingapura visto da piscina do hotel Mandarin Oriental, hotel muito bem localizado na ilha. Foto: Adriana Lage
Entardecer em Singapura visto da piscina do hotel Mandarin Oriental, hotel muito bem localizado na ilha. Foto: Adriana Lage
Kuala Lumpur é ótima opção para não precisar pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage
Kuala Lumpur é ótima opção para não precisar pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage

2. Solicitar o visto pela Embaixada da Indonésia no Brasil antes da viagem

Você pode solicitar o visto de turismo de 60 dias na Embaixada da Indonésia, antes de sair em viagem. Esta modalidade lhe permitirá pedir uma extensão adicional de 30 dias, totalizando o tempo máximo de permanência no país de 90 dias.

Utilize o serviço de uma empresa especializada para tirar o visto para você. Recomendo a GlobalVisa, parceira do blog A Camminare. Clique aqui para fazer um orçamento.

Depois que você estiver na Indonésia e a data de expiração do visto de 60 dias se aproximar, contrate um despachante local para realizar este serviço. Será necessário apresentar uma SPONSOR LETTER, carta de recomendação, na qual um cidadão indonésio ficará responsável por você no país. Somente a agência consegue fazer isso para você sem dor de cabeça.

Uma amiga procedeu assim e pagou 600 mil rúpias indonésias. Ela pesquisou sobre a idoneidade das empresas e recomenda Bali Lines. Fale com Ketut pelo telefone 0812 361 8810. O processo leva em torno de duas semanas. Seja cuidadoso na escolha, há muitos relatos de atrasos na entrega do passaporte, prazos descumpridos e cobranças adicionais desnecessárias.

Você deverá entregar os seguintes documentos:

– seu passaporte;

fotocópia da página principal do passaporte e da página onde está o visto;

comprovante de passagem de saída da Indonésia no final do período de extensão;

– endereço, telefone e email do hotel atual em Bali ou outro destino na Indonésia; e

– seu endereço residencial no Brasil

Viaje mais: Frases de viagem: Inspire-se nessa galeria

Bali é conhecida pelas placas de frases inspiradoras. Foto: Adriana Lage
Bali é conhecida pelas placas de frases inspiradoras. Foto: Adriana Lage

3. Visa on Arrival: visto para permanecer na Indonésia por 60 dias

Esta foi a opção que escolhi durante minha visita. Eu planejei passar um mês na ilha de Java, entrando por Jacarta, descendo até Yogyakarta e Malang. No segundo mês, me dediquei totalmente a Bali.

Primeiro passo e o mais importante: pagar a taxa do visto no aeroporto

Assim que desembarcar na Indonésia, antes mesmo de passar pelos balcões de imigração, procure um guichê com a placa VISA ON ARRIVAL.

Informe ao atendente que você deseja pagar a taxa de USD 35 para emitir o visto. Pague o valor em dólar ou em rúpias indonésias, as duas moedas são aceitas. Se você não tiver dólares trocados na hora, não se preocupe, o agente devolve a diferença em dólares também.

Ele entregará um recibo de pagamento do visto. Siga para a fila da imigração e apresente o recibo. Ele vai colar um selo diferente em teu passaporte, que identificará aos oficiais no escritório da imigração em Bali (ou outro destino na Indonésia) o pagamento da taxa.

Segundo passo: solicitar a extensão de visto para Bali, Indonésia

Aproveite seus primeiros 20 dias de passeio. Quando faltarem uns 10 dias para vencer o visto, decida se você quer realizar o processo sozinho ou por meio de um agente. Bali é notória pelo excesso de feriados e o seu visto pode expirar no meio do processo. Foi exatamente isso que aconteceu comigo, mas completei o processo sem incidentes.

Recomendo que você renove o visto:

Pessoalmente se:

– não deseja entregar seu passaporte a terceiros;

– não se importa em ir três vezes ao escritório;

– deseja economizar o valor cobrado pelo serviço;

– gosta de ser autossuficiente e passar por novas experiências (nem chamo de desafio, porque este é muito fácil).

Via Agente se:

– não se sente seguro em fazer sozinho por não falar inglês;

– não deseja ir ao escritório da imigração três vezes. Será preciso ir apenas uma vez para tirar fotos e impressão digital.

Viaje mais: Lugares para tirar fotos de Instagram na Ásia

Documentos necessários para solicitar a extensão do visto para Bali, Indonésia

Tenha em mãos os documentos abaixo:

– seu passaporte original;

fotocópia da página da sua foto no passaporte e da página onde está o visto;

comprovante de passagem de saída da Indonésia no final do período de extensão;

– endereço, telefone e email do hotel atual em Bali ou outro destino na Indonésia;

– seu endereço residencial no Brasil;

– uma caneta preta. Às vezes as canetas disponíveis estão sem tinta e não serve outra cor.

– IDR 355.000 rúpias indonésias. Este valor será cobrado apenas na sua 2ª visita e se você optar em tirar o visto sozinho.

Sugiro tirar as fotocópias no hotel onde está hospedado. Eles costumam oferecer o serviço como cortesia. Caso você se esqueça, ao lado do escritório em Denpasar existe uma lanchonete que imprime as cópias para você. Não lembro exatamente o valor, mas foi algo em torno de 8 mil rúpias (menos de dois reais).

Siga @adri.lage no Instagram e acompanhe em tempo real sua viagem de volta ao mundo.

Ofertas especiais de hotéis em Bali

Aproveite estas ofertas em Bali. Reserve acima de R$ 1.000,00 através do link abaixo e ganhe 1h de consultoria de viagem ao vivo grátis com Adriana Lage para tirar todas as suas dúvidas de viagem.

Booking.com

Como solicitar a extensão do visto para Bali via agente

Escolha com cuidado o agente que te representará. Entregue a ele os documentos e pegue o contato de telefone (whatsapp) dele para se atualizar sobre as datas.

No dia marcado, ele te encontrará no escritório da imigração para tirar a foto e as impressões digitais para o visto. Detalho esta parte mais abaixo, no entanto ele saberá onde te levar.

Aguarde o contato do agente no dia marcado para pegar o passaporte e voilá. Bom passeio em Bali.

Este também é o procedimento para solicitar a extensão do 3º mês caso você tenha tirado o visto de 60 dias no Brasil. A diferença é que ele apresentará a SPONSOR LETTER, como explicado anteriormente.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.
Pôr do sol em Seminyak, a praia mais bem localizada de Bali. Foto: Adriana Lage
Pôr do sol em Seminyak, a praia mais bem localizada de Bali. Foto: Adriana Lage

Como solicitar a extensão de visto para Bali pessoalmente

Dia 01: Entrada dos papéis

Apesar da descrição ser longa, o processo é bem simples, mesmo se você tiver pouca fluência no inglês. Munido dos documentos acima, siga para o escritório de Imigração mais próximo de seu hotel. Eu usei o endereço de Denpasar, a cidade onde fica o aeroporto.

O atendimento se inicia às 08h00. Eu cheguei antes disso desnecessariamente. Como era baixa temporada, não havia muitas pessoas e em nenhum dos três dias eu esperei mais do que 20 minutos.

O atendimento encerra-se às 13h, mas quanto mais cedo você chegar, mais libera o seu dia para passear.

Assim que entrar, verá um balcão de recepção e, nas extremidades, dois totens eletrônicos para retirar a senha de atendimento. Use o da esquerda para tirar uma senha para APPLICATION como estrangeiro. O totem da direita é de uso exclusivo de cidadãos indonésios.

Guarde a senha, dirija-se ao balcão ao lado e solicite ao oficial a ficha APPLICATION. Se quiser preenche-la previamente, baixe o formulário aqui. O oficial lhe entregará o formulário dentro de uma pasta de plástico.

Preencha os dados usando a caneta de tinta preta e com letras maiúsculas. Acrescente os documentos listados acima, sente-se às poltronas no salão principal e aguarde sua senha ser chamada. Será rápido.

Na sua vez, entregue os documentos e sente-se novamente. Aguarde mais uns cinco minutos e o mesmo oficial te chamará, mas dessa vez pelo nome. Fique atento se você tiver um nome com pronúncia difícil.

Ele te dará um recibo de entrega dos documentos. Guarde-o com carinho, pois ele é seu documento provisório caso necessite apresentá-lo a alguém. Neste papel consta a data e o horário da sua segunda visita, em torno de 3 dias úteis depois.

Se a data de retorno cair numa sexta-feira e a hora programada for 08h, desconsidere. Às sextas, o escritório só abre às 09h.

Primeira etapa encerrada, você pode se divertir na ilha.

Viaje mais: 9 meses de viagem pelo sudeste asiático: o que eu aprendi

Geger Beach, uma das muitas razões por que você deve pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage
Geger Beach, uma das muitas razões por que você deve pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage

Dia 02: pagamento, fotos e impressão digital

No dia e horário programados, retorne ao mesmo local. Lembre-se de levar a taxa de IDR 355.000 para pagar o visto em dinheiro.

Dirija-se ao balcão na entrada sem pegar senha e diga que você precisa pagar a taxa e tirar as fotos. Entregue o recibo e a sua vida para o oficial, já que agora você não tem documento nenhum rs.

Ele mandará você se sentar e aguardar ser chamado pelo nome. Após pagar a taxa, o agente lhe dará outra senha para tirar a foto e as impressões digitais nas salas fechadas. Aguarde.

Quando chegar a sua vez, entre na sala, sente-se e siga as instruções. Tudo muito simples, como tiramos documentos no Brasil. Ao final, você receberá outro recibo com a data e horário do retorno para retirada do passaporte, geralmente no período da tarde.

Segunda etapa encerrada, vá curtir o sol e os templos de Bali. Mais uns dois ou três dias de espera.

Macacos são moradores oficiais de Bali. Foto: Adriana Lage
Macacos são moradores oficiais de Bali. Foto: Adriana Lage

Dia 03: Resgate do passaporte com a extensão do visto

Parece brincadeira, mas só me senti segura quando peguei o passaporte.

A retirada estava agendada para uma terça-feira entre 14h e 15h. Quando entrei no edifício, já me sentia em casa, quase uma nativa.

Olhe para a direita assim que entrar o edifício. Você verá uma grande janela. Vá até lá. Entregue o seu recibo e sente-se ali perto. O oficial te chamará pelo nome para entregar seu passaporte. Assine o caderno confirmando o recebimento. Antes de sair, confira se o carimbo e a data da extensão estão corretos e, se notar algo errado, avise na hora.

Pronto! Agora além de ter mais 30 dias para respirar a energia de Bali, você é um expert em renovar vistos.

Escritório da Imigração, aguardando o passaporte com a extensão do visto para Bali. Foto: Adriana Lage
Escritório da Imigração, aguardando o passaporte com a extensão do visto para Bali. Foto: Adriana Lage

Quanto custa pedir a extensão de visto para Bali, Indonésia

Visa on Arrival: USD 35

Extensão de visto: IDR 355.000 rúpias indonésias, em torno USD 25

Serviço de despachante em Bali (não obrigatório): USD 50 a 75

Resumindo: você gastará 60 dólares para emitir a extensão de visto para Bali, Indonésia e precisará comparecer 3 vezes ao escritório da Imigração. Contratando o serviço de um agente, fica ainda mais caro e ele retém seu passaporte.

Analise se vale a pena entrar com visto gratuito e fazer um bate e volta a Singapura ou Malásia ou se você realmente deseja permanecer no país durante todos os 60 dias. Eu optei em ficar e fazer as três visitas à Imigração. É rápido e simples.

Viaje mais: 21 motivos para visitar a Malásia além de Kuala Lumpur

Gardens by the Bay, Cingapura, outra ótima escapada para não precisar pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage
Gardens by the Bay, Singapura, outra ótima escapada para não precisar pedir extensão de visto para Bali. Foto: Adriana Lage
Petronas Towres, cartão postal de Kuala Lumpur. Foto: Adriana Lage
Petronas Towres, cartão postal de Kuala Lumpur. Foto: Adriana Lage

Endereço do Denpasar Office para solicitar a extensão de visto para Bali

Você obrigatoriamente precisa escolher o escritório de imigração mais próximo de seu hotel. Os recepcionistas e concierges dos hotéis podem te ajudar a obter essa informação. Abaixo está o endereço do escritório em Denpasar, onde eu fui. Este é o local para hóspedes nas áreas em Kuta, Seminyak, Canggu, Nusa Dua, Uluwatu e Jimbaran.

Kantor Imigrasi Kelas

Jl. D.I Pandjaitan No.3, Dangin Puri Kelod

Denpasar Timur, Bali 80235

Viaje mais: Lounge da Vogue em Bangkok, o melhor happy hour

Visto de entrada e a extensão de visto para Bali carimbados no passaporte. Foto: Adriana Lage
Visto de entrada e a extensão de visto para Bali carimbados no passaporte. Foto: Adriana Lage

Informação importante se você quiser a extensão de visto para Bali:

Uma vez que você pagou o visto e ele foi carimbado em seu passaporte, é impossível desistir da escolha e tentar voltar para o Visit Visa Exemption. Contestar só te prejudicará. Recentemente uma brasileira foi banida da Indonésia por cinco anos por causa disso.

Vista-se apropriadamente quando comparecer ao escritório da imigração. Dependendo do humor do segurança no dia, ele pode barrar sua entrada, mas não é regra.

Confira no passaporte a data limite para saída do país. A data impressa é seu último dia para cruzar a fronteira. 30 dias não são contados como um mês. O dia de entrada e último dia são considerados na contagem.

Nunca tente subornar um oficial da imigração. A prática pode ser comum nas ruas com os guardas de trânsito, mas não funciona com eles.

Jamais levante a voz para um oficial da imigração. Eles têm autoridade para cancelar o seu visto e te despacharem de volta para o Brasil a qualquer momento. Se tiver algum problema com seus documentos, converse com firmeza mas sem se alterar. Peça para falar com o supervisor.

Neste outro post informei sobre o que acontece se meu visto expirar e eu não tiver saído da Indonésia?

As informações do post “Extensão de visto para Bali, Indonésia: como pedir” referem-se à minha experiência pessoal de quando eu estive na Indonésia em maio e junho de 2017. Eu me programei para pedir a extensão de visto para Bali logo nos primeiros dias da minha chegada à ilha.

Recomendo consultar o site da Embaixada da Indonésia para obter dados atualizados ou contrate uma empresa idônea como a GlobalVisa para emitir o visto para Bali, parceira do blog A Camminare.

Viaje aqui também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *