O que fazer em Jacarta, Indonésia, Museu Batik. Foto: Adriana Lage

O que fazer em Jacarta: Roteiro de dois dias

O que fazer em Jacarta: Roteiro de dois dias.

A capital da Indonésia foi minha porta de entrada no país e uma grata surpresa. Como diz uma amiga que conheci lá, Jacarta tem seus encantos para quem a olha além do trânsito caótico. Não é para menos, o engarrafamento da capital figura na lista dos 5 piores do mundo.

Nenhum turista pensa em ir para Jacarta. Perguntei para meu amigo Erza, residente na cidade, quais celebridades internacionais foram vistas nos últimos tempos por ali. Ele riu e me disse que nenhuma. “Jacarta é conhecida por ser desconhecida e nós gostamos dela assim”, respondeu.

Planeje sua viagem pegando no Pinterest todas as minhas dicas divididas por país ou temas. Acesse este link e siga o A Camminare para não perder as novidades.
O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: Encantar-se com a herança da arquitetura colonial holandesa. Foto: Adriana Lage

Talvez o mais célebre morador tenha sido o ex-presidente Barack Obama, que morou na Indonésia com sua mãe por três anos desde 1967. Ou o presidente americano JF Kennedy e Marilyn Monroe quando participaram da inauguração do Hotel Indonesia, o primeiro cinco estrelas do país.

Mas enquanto a massa turística nem cogita ir a Jacarta e desembarca em Bali diariamente, a capital da Indonésia fervilha com mais de 10 milhões de habitantes no leste de Java, a maior ilha do arquipélago. Para quem sabe explorá-la, Jacarta oferece muitas atrações culturais, opções gastronômicas, bares e clubes. E eu aceitei o desafio de desvendar os segredos da cidade.

Viaje mais: 9 meses de viagem pelo sudeste asiático: o que eu aprendi

O que fazer em Jacarta, Indonésia, Shopping Center. Foto: Adriana Lage
Teto com design de flores remete às estampas batik. Foto: Adriana Lage

Uma das primeiras características do povo indonésio que eu descobri e adorei foi a socialização. Os locais adoram compartilhar seus momentos felizes e importantes com os amigos, hábito arraigado na cultura indonésia.

Provavelmente este seja o principal motivo por Jacarta ganhar a primeira posição na lista da cidade com mais registros no Instagram Stories. A informação foi revelada pela empresa na data em que celebrou um ano de lançamento da ferramenta dos vídeos que desaparecem em 24h.

Os números surpreendem ocidentais que esperavam encontrar Paris, Nova York ou Londres no topo da lista. Na Indonésia, são mais de 45 milhões de usuários, o maior mercado asiático do aplicativo. Os indonésios produzem o dobro de conteúdo no Instagram mundialmente, segundo informações divulgadas pelo Facebook.

Mas quais são as atrações e os programas para se fazer nesta cidade desconhecida para o mundo ocidental, a não ser em livros de geografia? É o que revelo para você neste post após uma semana inteira de experiências na capital.

Viaje mais: Visto para Indonésia: como tirar, documentos, taxas

O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Museu Nacional. Foto: Adriana Lage
A escultura em frente ao Museu Nacional de Jacarta reflete o brilho da inspiração para o espírito da preservação cultural que prevalece além do tempo. Foto: Adriana Lage.

O que fazer em Jacarta: roteiro de dois dias

Colonizada pela Holanda por mais de 300 anos, suas marcas estão espalhadas pela cidade, principalmente na arquitetura.

Dia 01 – Museus e centro histórico de Jacarta

Comece o dia aprendendo sobre a história do país no Museu Nacional. Em frente, o Monumento Nacional (Monas), erigido para celebrar a independência do país em 1949, é símbolo de orgulho no meio de uma praça.

Viaje mais: Como os países comemoram o Dia da Independência

O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Museu Nacional. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: visitar o Museu Nacional. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Foto: Adriana Lage
Monumento Nacional (Monas) ao fundo e a proteção chocante dos arames farpados em Jacarta, Indonésia. Foto: Adriana Lage

A mesquita nacional Istiqlal é a maior do sudeste asiático e a terceira maior em capacidade do mundo. Inaugurada para celebrar a independência do país, Istiqlal é a palavra árabe para “independência”. Na visita guiada, aprendemos sobre a arquitetura e sua simbologia, alguns princípios básicos do islã e percebemos um pouco do funcionamento da mesquita.

Viaje mais: Top 6: igrejas cristãs diferentes no mundo para você conhecer

O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Mesquita nacional Istiqlal. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: aprender sobre o islã na Mesquita Istiqlal. Foto: Adriana Lage
Minha guia muçulmana no tour pela Mesquita Nacional em Jacarta. Foto: Adriana Lage
Minha guia muçulmana no tour pela Mesquita Nacional em Jacarta. Foto: Adriana Lage

O Museu Têxtil conta a importância da indústria no cotidiano das pessoas e para a economia do país. Durante um tour guiado, descobrimos a diversidade e a habilidade artística de artesãos para fabricar Batik. Os tradicionais tecidos são pintados à mão usando uma técnica centenária em que se aplicam cera quente e tintura nas fazendas. Ótima oportunidade para fazer uma aula experimental e levar seu primeiro batik como souvenir para casa.

O que fazer em Jacarta: Aula de Batik no Museu Têxtil em Jacarta. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: Aula de Batik no Museu Têxtil em Jacarta. Foto: Adriana Lage

Onde almoçar em Jacarta

Almoce no novíssimo Plataran Menteng, um dos restaurantes mais refinados de Jacarta. Prove a gastronomia indonésia em alto estilo em um ambiente moderno e sofisticado. Escolha uma mesa próxima ao pátio central da residência, onde uma antiga árvore reina absoluta.

Siga @adri.lage no Instagram e acompanhe em tempo real sua viagem de volta ao mundo.
Onde comer em Jacarta: Plataran Menteng, restaurante de culinária indonésia refinado. Foto: Adriana Lage
Onde comer em Jacarta: Plataran Menteng, restaurante de culinária indonésia refinado. Foto: Adriana Lage

Tarde: Centro histórico

Ocupe a tarde passeando pela cidade antiga, Batavia, nome anterior dado à cidade de Jacarta. Edifícios coloniais enfileiram-se pelas ruas, retratando a arquitetura holandesa do século XVII. O bairro foi declarado Patrimônio Unesco em virtude da grandiosidade de seu planejamento urbano.

Encerre o dia em Pasar Baru, mercado de rua popular repleto de barracas vendendo os mais variados artigos, de fashion vintage a produtos importados da China. Se desejar uma incursão gastronômica, há barracas de comida de rua.

Reserve uma mesa para jantar no Li Feng, restaurante cantonês do hotel Mandarin Oriental. Garanto uma experiência que despertará todos os seus sentidos. Descrevo sobre ele mais abaixo.

Viaje mais: Conheça outros patrimônios mundiais da Unesco em suas viagens

Onde comer em Jacarta: Li Feng, restaurante cantonês. Foto: Adriana Lage
Cisnes negros, no Li Feng, restaurante cantonês do Mandarin Oriental. Um dos pratos mais simbólicos e inesquecíveis que já provei. Foto: Adriana Lage

Dia 02 – Taman Mini Indonesia

Taman significa “parque” no idioma indonésio. A atração promove aos visitantes uma viagem ao redor da Indonésia em apenas um dia. O parque esparrama-se numa área de 1km2 e retrata a vida, cultura, natureza e herança do povo indonésio.

São 33 casas em tamanho real exemplificando a arquitetura e a cultura de cada uma das 33 províncias do país. Além das casas, há outros 11 parques – um dos quais abriga dragões de Komodo-, e 15 museus. Tem atividade para mais de um dia de visita.

O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: Viajar pela Indonésia no parque Taman Mini. Foto: Adriana Lage

Sugiro pegar o teleférico que atravessa o parque para ver do alto o mapa da Indonésia criado no lago no centro do parque. Ou alugue um pedalinho no fim da tarde. Existem várias atividades infantis para divertir e cansar as crianças.

Taman Mini foi um dos meus passeios preferidos em toda a Indonésia. Despertou meu desejo de explorar o arquipélago além dos destinos famosos de Borobudur e Bali.

A melhor maneira de chegar a Taman Mini é de táxi. Sugiro baixar o aplicativo Grab, mais usado que Uber.

Há opções de barraquinhas de comida, restaurantes e fast foods em vários pontos no parque.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.
O que fazer em Jacarta. Taman Mini Indonesia. Foto: Adriana Lage
O que fazer em Jacarta: Encantar-se pela arquitetura do país no Taman Mini Indonesia. Foto: Adriana Lage

Onde ficar em Jacarta

Em virtude do trânsito pesado, a localização do hotel é o grande segredo para aproveitar as atrações da cidade. Escolha a área central, distrito financeiro e diplomático, onde fica a icônica rotatória Hotel Indonesia, que leva o nome do hotel em frente, dois grandes marcos da cidade. Dois dos principais shoppings centers concentram-se em volta da rotatória e compartilham o endereço com dois dos melhores hotéis de Jacarta.

O Hotel Indonesia Kempinski é o primeiro cinco estrelas no país a oferecer serviço de padrão internacional. Foi inaugurado em 1962 pelo primeiro presidente eleito logo após a independência sobre os holandeses. Murais com mosaicos, baixos-relevos e pinturas gigantes enfeitam paredes e muros do hotel, retratando a cultura, o povo, a fauna e a flora da Indonésia.

Reserve sua hospedagem no Hotel Indonesia Kempinski com as melhores tarifas neste link e ganhe amenities exclusivas oferecidas pelo blog A Camminare.

Onde ficar em Jacarta: Hotel Imperial Indonesia. Foto: Adriana Lage
Onde ficar em Jacarta: Hotel Imperial Indonesia. Foto: Adriana Lage

O hotel Mandarin Oriental Jakarta é referência de atendimento em todo o mundo e, neste caso, acrescente a recepção calorosa dos indonésios. Um dos funcionários chegou a me acompanhar até o restaurante próximo para garantir que eu encontraria o lugar. Suítes impecáveis, serviço cinco estrelas e gastronomia de primeira. Momentos memoráveis.

Reserve sua hospedagem no Mandarin Oriental Jakarta com as melhores tarifas neste link e ganhe amenities exclusivas oferecidas pelo blog A Camminare.

Onde ficar em Jacarta, Mandarin Oriental Jakarta, Indonesia. Foto: Adriana Lage
Minha suíte no Mandarin Oriental Jakarta, Indonesia. Foto: Adriana Lage

Onde comer em Jacarta

Imperdível: O café da manhã no Hotel Indonesia Kempinski. Mesmo se você não se hospedar nele, reserve um dia para se deleitar com os pratos tradicionais indonésios. O salão moderno e arejado está decorado com fotos gigantes em preto e branco do presidente americano John F. Kennedy e Marilyn Monroe, convidados ilustres da festa de inauguração do hotel em 1962.

Onde comer em Jacarta: Hotel Indonesia Kempinski. Foto: Adriana Lage
Café da manhã tradicional no Hotel Indonésia Kempinski. Foto: Adriana Lage

O novíssimo Plataran Menteng é um dos restaurantes mais sofisticados para você provar a gastronomia indonésia no melhor estilo. A mansão foi construída em volta de duas antigas árvores que ocupam o pátio central da residência. Os três andares foram decorados pela proprietária da rede e são inspiradores.

O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias. Foto: Adriana Lage
Cozinha indonésia tradicional no restaurante Plataran Menteng, em Jacarta. Foto: Adriana Lage

O melhor chá da tarde é proporcionado pelo hotel Mandarin Oriental Jakarta. O chef especializado em pâtisserie cria delícias doces e salgadas em formatos divertidos de picolés e carinhas de sorriso. Rende várias fotos para Instagram e você ficará com dó de prová-los.

Viaje mais: Chá da tarde: os 7 melhores pelo mundo

Chá da tarde divertido e saboroso no Mandarin Oriental Jakarta. Foto: Adriana Lage
Chá da tarde divertido e saboroso no Mandarin Oriental Jakarta. Foto: Adriana Lage

O melhor jantar: Li Feng, restaurante cantonês do hotel Mandarin Oriental. Foi uma experiência surpreendente e deliciosamente marcante que despertou todos os meus sentidos. A decoração de interiores inspira-se no comércio das especiarias entre China e Indonésia.

Li Feng, a melhor experiência gastronômica em Jacarta, Indonésia. No Hotel Mandarin Oriental. Foto: Adriana Lage
Li Feng, a melhor experiência gastronômica em Jacarta, Indonésia. No Hotel Mandarin Oriental. Foto: Adriana Lage

Onde se divertir em Jacarta

Dragonfly, Blowfish, Immigrant e X2 são os clubes favoritos dos locais para dançar.

SKYE, Tugu Kunstkring, Dapoer Babah e Alto no hotel Four Seasons são bares bacanas em ambientes lindos para produzir várias fotos de Instagram.

Para encontrar celebridades locais, vá aos hotspots Fable e The Paleis.

Depois de uma semana passeando em Jacarta, identifiquei muita semelhança com São Paulo. Forasteiros sentem as cidades frias e intimidadoras. Mas aqueles que se dispõem a olhá-las além dos arranha-céus e do engarrafamento, passam a aproveitá-las como nós paulistas fazemos.

Não é coincidência ocuparmos o segundo lugar na lista de maiores produtores de conteúdo de Instastories, atrás de Jacarta. Quem vem em terceiro lugar? Nova York.

Ofertas especiais de hotéis em Jakarta

Aproveite estas ofertas em Jakarta. Reserve acima de R$ 1.000,00 através do link abaixo e ganhe 1h de consultoria de viagem ao vivo grátis com Adriana Lage para tirar todas as suas dúvidas de viagem.

Booking.com

Viaje aqui também:

O artigo “O que fazer em Jacarta, roteiro de dois dias” foi escrito por mim, Adriana Lage, a pedido de Renata Araújo do You Must Go Blog para uma matéria solicitada pelo Glamurama. Aqui no blog você leu o artigo sem edições e com mais informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *