O palácio de pedras construído por um carteiro francês

02/09/17 | Adriana Lage | Lugares

Palais Idéal du Facteur Cheval, este é o nome do palácio de pedras construído por um francês, a realização do sonho de um carteiro (facteur em francês) que consumiu 10 mil dias e 93 mil horas de trabalho de sua vida.

Quem me acompanha sabe o quanto eu gosto de sair do lugar comum e desbravar caminhos menos trilhados. Descobri o monumento enquanto planejava uma viagem de carro de Paris a Arles, no sul da França.

Placa indicativa na estrada a caminho do Palais Idéal du Facteur Cheval. Foto: Adriana Lage

Palais Idéal du Facteur Cheval

Um palácio construído pedra sobre pedra por Ferdinand Cheval, carteiro filho de família de camponeses pobres no interior da França. Esta é a história do Palais Idéal du Facteur Cheval, que levou 33 anos para ficar pronto e imortalizou o nome de seu idealizador.

Declarado monumento histórico pelo ministro da cultura francês em 1969, o palácio de pedras é considerado uma obra de arte universal sem precedentes e referência de Naîve Art no mundo. Picasso, Tinguely e Breton eram seus admiradores. Entendedores dizem que seu estilo barroco frenético lembra o espanhol Antonio Gaudí e sua extravagância ornamental compara-se às obras de Salvador Dali.

Planeje sua viagem pegando no Pinterest todas as minhas dicas divididas por país ou temas. Acesse este link e siga o A Camminare para não perder as novidades.

Fachadas intrincadas construídas pelas mãos de um único homem no Palais Idéal du Facteur Cheval. Foto: Adriana Lage

História do Palácio de Pedras francês

A história do Palais Idéal du Facteur Cheval me inspirou e me encantei com a obra de arte que encontrei. Lições que aprendemos sobre a maneira de encarar a vida e superar os desafios.

Em 1879, durante suas andanças Ferdinand tropeçou na primeira pedra. Em seu diário, escreveu “O que se pode fazer além de sonhar quando sempre caminhamos na mesma paisagem?… Tropecei em uma pedra que quase me derrubou: tinha formato tão incomum que a coloquei no bolso para admirá-la no meu tempo livre.

No dia seguinte, voltei ao mesmo lugar e descobri outras ainda mais bonitas. Pensei: já que a natureza quer fazer a escultura, eu farei a alvenaria e a arquitetura”. E assim seguiu, recolhendo pedras ao longo dos 30 quilômetros que caminhava diariamente.

Ferdinand buscou inspiração na natureza, nos cartões postais e nas primeiras revistas ilustradas que entregava e ergueu no meio de seu jardim exuberante um palácio habitado pelos mais diversos animais: polvo, elefante, urso, pássaros, mas também figuras mitológicas, fadas, gigantes, entremeados por construções arquitetônicas de diferentes países.

Viaje mais: 15 achados em Paris para ver, comer e comprar além do óbvio

Conchas do mar também foram usadas na decoração do Palácio de Pedras francês. Foto: Adriana Lage
Você é homem, nada mais do que pó. Tua alma é imortal. Mensagem do carteiro Cheval. Foto: Adriana Lage

Desvendando o Palácio de Pedras francês

Cheval começou o trabalho aos 45 anos pela “fonte da vida”, na fachada leste. Construída com conchas, caracóis, ostras e pedras montadas com argamassa e cal, é um hino à natureza e ao fantástico, repleto de animais extraordinários e plantas estranhas.

Entre as representações, uma tumba egípcia, a fonte da sabedoria, as estátuas da Ilha da Páscoa, pagodes e templos orientais nos convidam para uma viagem de volta ao mundo.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.

Palais Idéal du Facteur Cheval, o palácio de pedras do carteiro na França. Foto: Adriana Lage
Palais Idéal du Facteur Cheval: o palácio que imortalizou seu idealizador. Foto: Adriana Lage

A fachada norte homenageia a natureza. Representações das arquiteturas ao redor do mundo, um templo hindu, um chalé suíço, um castelo da Idade Média e uma mesquita predominam na fachada oeste. A fachada sul parece ser a mais surreal de todas. Um tronco de árvore repleto de animais e torres dá asas à imaginação.

Quando finalizou a obra em 1912, aos 78 anos, sozinho e incompreendido, Ferdinand registrou em uma das fachadas: “O trabalho de um homem”, e assim deixou seu nome para a eternidade.

Viaje mais: Multas de trânsito no exterior, dicas importantes e cuidados

Detalhes elaborados com conchas na fachada do palácio. Foto: Adriana Lage

Dicas para aproveitar sua visita ao Palais Idéal du Facteur Cheval

Chegue cedo para aproveitar a luz da manhã e tirar fotos mais bonitas com menos visitantes.

Use o áudio guia para entender os detalhes da construção e saber mais sobre a história de Ferdinand e seu palácio de pedras.

Evite horário de pico entre 12h e 15h.

Planeje gastar entre 1h e 2h durante a visita.

Siga @adri.lage no Instagram e acompanhe em tempo real sua viagem de volta ao mundo.

Áudio guia do Palácio de Pedras francês, mandatório!

Palais Idéal du Facteur Cheval

O quê: palácio de pedras francês, monumento histórico

Endereço: 8 Rue du Palais, 26390 Hauterives

Onde: em Hauterives, França, a 90km ao sul de Lyon

Quanto custa o ingresso no Palais Idéal du Facteur Cheval

Adultos € 6,50 – Crianças € 5,00 – Áudio guia € 2

Horário de funcionamento do Palais Idéal du Facteur Cheval

Janeiro – 09:30 – 16:30

Fevereiro, março – 09:30 – 17:30

Abril a junho – 09:30 – 18:30

Julho e agosto – 09:30 – 19:00

Setembro – 09:30 – 18:30

Outubro e novembro – 09:30 – 17:30

Dezembro – 09:30 -16:30

Fechado:

Natal 25/12

Ano Novo 31/12

Janeiro – 15/01 a 31/01

Site: facteurcheval.com

Templos reproduzidos a partir de cartões-postais e revistas que o carteiro entregava. Foto: Adriana Lage

Viaje aqui também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *