Mandarin Oriental Hong Kong suite. Foto: George Apostolidis

Mandarin Oriental Hong Kong, o lendário e o primeiro

Clássico, atemporal, luxuoso e contemporâneo, o Mandarin Oriental Hong Kong tem história e personalidade. Se fosse uma pessoa, eu diria que o hotel é um charmoso senhor na faixa dos 50 anos, muito culto, elegantemente dinâmico, com gestos reservados, olhos brilhantes de amor à vida e no rosto o esboço de sorriso simpático de uma pessoa realizada.

Planeje sua viagem acompanhando todas as dicas do A Camminare no Pinterest, divididas por país ou temas, e não perca as novidades!

Mandarin Oriental Hong Kong

Clique na foto para não perder este artigo e salve-o no Pinterest para acessá-lo sempre que quiser.

O lendário Mandarin Oriental Hong Kong

Inaugurado em 1963 e totalmente renovado em 2006, é o endereço perfeito para você vivenciar a experiência mais autêntica da ilha. O MO HK participou do crescimento econômico de Hong Kong quando, no início dos anos 60, a região ainda respirava ares provincianos e o MO se destacava no horizonte como o edifício mais alto e um dos hotéis mais luxuosos da cidade, tornando-se um marco de Hong Kong.

Era aqui onde magnatas chineses e celebridades se hospedavam e se encontravam para drinks e reuniões informais enquanto a alta sociedade hongconguiana tomava chá da tarde, as mulheres se embelezavam na manicure e os homens na barbearia. Entrar no lobby do MO HK significava se transportar para a esfera do mundo perfeito, dos sonhos. Mais de 50 anos depois, esta aura de elegância e classicismo permanece como a identidade do lendário hotel.

Me surpreendi com o trânsito de pessoas no lobby e, apesar das suas 501 suítes, o atendimento personalizado e atencioso da equipe é exemplar. Só estando aqui para entender porque ele é considerado um dos melhores hotéis do mundo ano após ano e referência na hotelaria mundial.

Uma das características marcantes do Mandarin Oriental é a onipresença de arte asiática. No caso do MO HK, o buda na recepção é notável, assim como o painel em couro junto às escadas do Clipper Lounge. No entanto, o que mais me chamou a atenção foi a extensa obra folheada a ouro contando estórias e lendas chinesas, que passa despercebida aos olhos menos atentos.

Inscreva-se em nosso canal A Camminare no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.
Mandarin Oriental Hong Kong
Visão panorâmica do lobby do MO HK e o painel folheado a ouro em toda a extensão na parede. Foto: Adriana Lage
Mandarin Oriental Hong Kong
Detalhe da obra folheada a ouro no lobby do MO HK, contando lendas chinesas.
Mandarin Oriental Hong Kong. Foto: Adriana Lage
Arte em couro no lobby do Mandarin Oriental Hong Kong. Foto: Adriana Lage

 

As Suítes do Mandarin Oriental Hong Kong

Ainda fico mesmerizada ao imaginar como os funcionários atendem os hóspedes das 501 suítes com maestria, calma e eficiência impecáveis. Parece uma sonata de Mozart orquestrada em perfeita harmonia.

Distribuídas em 25 andares, as suítes são divididas em duas categorias de decoração a partir de 32m2, um luxo subliminar em uma cidade onde o m2 valoriza 10% ao ano. As Veranda Rooms têm clores caras e delicadas, inspiradas no Ocidente e toques femininos. Eu fiquei em uma delas. As Taipan Rooms são decoradas com madeira escura como no Oriente e clima mais masculino. Tai Pan era o nome dado aos ricos empresários chineses e hongcongueses e a maneira como construíram e decoraram suas elegantes casas acabou se tornando um estilo arquitetônico.

Assim, a decoração do MO Hong Kong dialoga com a alcunha da cidade, em ser o ponto de encontro entre o Ocidente e o Oriente, o feminino e o masculino, yin e yang, o tradicional e o contemporâneo, e seguindo as premissas do Feng Shui, filosofia arraigada na cultura chinesa que escapa aos olhos estrangeiros. Tenha certeza que você está dormindo nas suítes com a maior concentração de energias positivas atraindo boa sorte e fortuna.

Mandarin Oriental Hong Kong suite
A suíte do MO HK em outra perspectiva e o balde de gelo em forma de caldeirão real. Foto: Adriana Lage
Mandarin Oriental Hong Kong
Curtindo a vista do porto de Victoria dos janelões na minha suíte MO HK.
Mandarin Oriental Hong Kong suite. Foto: Adriana Lage
Detalhes das composições de cores e tecidos, sofisticação e conforto nas suítes MO HK. Foto: Adriana Lage

Todos os quartos estão preparados para você trabalhar do seu computador, as tomadas são internacionais, chá e café são cortesia e o minibar está equipado com snacks e bebidas para aquela hora quando bater uma fominha e você não quiser sair.

Um dos detalhes favoritos pra mim é voltar do jantar, encontrar o quarto arrumado para dormir e a TV de tela plana ligada mostrando o vídeo inspirador do MO Hong Kong e em outros destinos. Me esparramo na cama enrolada no felpudo roupão após um banho morno, perfumada com amenidades Bottega Veneta e fico ali hipnotizada, imaginando qual deles será o próximo da minha lista.

As cinco suítes assinaturas (72 a 93m2) propiciam o conforto de uma residência aconchegante. No topo da pirâmide, a suíte presidencial Mandarin tem dois quartos, sala de estar e de jantar para 12 convidados, cozinha, suíte spa particular e um terraço com vista para a baía, distribuídos em 357 m2.

Mandarin Suite no Mandarin Oriental Hong Kong
Modelando na sala de estar da suíte presidencial no Mandarin Oriental Hong Kong.

 

Restaurantes estrelados do Mandarin Oriental Hong Kong

Não canso de me impressionar com a multitude gastronômica dos hotéis MO e as experiências multissensoriais que os restaurantes oferecem, suficientes para preencher minha agenda de entretenimento tanto quanto a dos executivos que passam acelerados pelo lobby está cheia de reuniões.

Em outro post mencionei que o grupo detém o maior número de estrelas Michelin entre todas as redes hoteleiras no mundo, uma constelação de 22 brilhantes em 2018. Destas, 4 pertencem aos restaurantes do Mandarin Oriental Hong Kong, o único hotel do mundo com 4 estrelas Michelin e um dos dois com três restaurantes estrelados sobre o mesmo teto. O outro é o Mandarin Oriental Tokyo.

O francês Pierre detém 2 estrelas, o cantonês Man Wah tem 1 e o Mandarin Grill + Bar também leva 1 estrela em seu nome. Faça reserva com antecedência e bloqueie o horário na sua agenda. A gastronomia está intrinsicamente ligada à cultura local e você se lembrará dos sabores por muitos anos.

O Captain’s Bar é o icônico lugar de encontro para happy-hour há mais de 50 anos, logo na entrada do hotel e lota nos fins de tarde com engravatados relaxando após o dia de trabalho intenso. Drinks e música ao vivo são os destaques, em especial o jazz cantado pela artista neozelandesa.

Mandarin Oriental Hong Kong
Esperando chegar o happy hour no Captain’s Bar. Foto: Adrana Lage

Num contraponto a ele, o M Bar no alto do edifício brilha com as luzes do horizonte vibrante da cidade em clima moderno, sofisticado e cool ao mesmo tempo. Ele fervilha à noite após as 22h. Quando estive lá, um DJs animava o ambiente.

O tranquilo The Chinnery é um típico pub inglês, ideal para relaxar e fugir da agitação da cidade, sem a formalidade dos outros bares.

Ao lado da recepção, o Clipper Lounge é o lugar para ver e ser visto, onde você degusta o famoso e tradicional chá da tarde. Se calhar de estar na cidade num domingo, faça como os locais e passe parte do dia saboreando o brunch. O buffet no jantar é digno de 5 estrelas, incluindo lagosta e ostras à vontade. Jamais esperava me deliciar tanto num restaurante deste estilo como fiz aqui. Definitivamente mudou minha interpretação sobre buffets.

Café Causette, aberto o dia todo, oferece menu internacional, num ambiente informal e contemporâneo. Tenho que voltar, não deu tempo de provar.

As duas estrelas Michelin do restaurante Pierre de culinária francesa dispensam qualquer outro adjetivo. O menu traz pratos tradicionais com leituras contemporâneas. Reserve com antecedência para não correr o risco dele estar lotado.

Man Wah, o restaurante cantonês com uma estrela Michelin, fica no 25º andar do hotel. A decoração em seda pintada, lustres laqueados no formato de gaiolas de passarinho e o panorama do porto de Victoria no horizonte fazem do Man Wah um dos restaurantes mais bonitos de Hong Kong.

Salão inspirador do restaurante cantonês Mae Wah, no Mandarin Oriental Hong Kong. Foto: George Apostolidis, MO.
Salão inspirador do restaurante cantonês Man Wah, no Mandarin Oriental Hong Kong. Foto: George Apostolidis, MO.
Mandarin Oriental Hong Kong
Lombo de porco ibérico, bacalhau e dumpling de Xangai no cardápio cantonês do Man Wah. Foto: Adriana Lage

Mais despojado e ainda assim elegante, o Mandarin Grill + Bar, que também carrega uma estrela Michelin é o mais eclético de todos. Aberto o dia todo, oferece buffet no café da manhã e grelhados clássicos no almoço e jantar.

The Mandarin Cake Shop, o paraíso das guloseimas doces, tortas, chocolates e macarons deliciam o paladar e os olhos. As caixinhas de presente coloridas são tão lindas quanto os doces.

 

Mandarin Oriental Hong Kong Spa

É até pecado eu confessar, mas não tive tempo de me entregar às massagens holísticas do Spa ou usufruir da piscina ou da sauna. Uma instituição na cidade e referência mundial, o SPA há sete anos consecutivos é laureado com cinco estrelas pelo prestigiado Forbes Travel Guide. Meus agendamentos gastronômicos e passeios pela cidade absorveram todo meu horário.

Consegui espiar as instalações e me encantei com a decoração inspirada na Shanghai dos anos 30. Deixei anotado para a próxima viagem. Se você for, reserve uma hora extra para aproveitar os tratamentos hídricos – piscinas e sauna – para uma experiência terapêutica de relaxamento muscular e mental profunda e completa.

 

Onde fica o Mandarin Oriental Hong Kong, localização

Uma característica padrão dos hotéis MO é a localização privilegiada. Sempre que você se hospedar em um hotel da rede, estará no melhor endereço da cidade. Instalado no centro do distrito financeiro na ilha de Hong Kong, o hotel está ao lado do metrô Central MTR, próximo a shopping malls e excelentes restaurantes. O píer para cruzar a baía até Kowloon fica a 100m dali. Dá para conhecer várias atrações e a famosa Hollywood Road a pé, a curta distância do hotel.

 

Como ir do Aeroporto de Hong Kong para o Mandarin Oriental Hong Kong

O Aeroporto Internacional de Hong Kong fica a 23 km de distância. O hotel oferece serviço de transfer em carros luxuosos, como Mercedes Benz, e o motorista te aguarda na saída do desembarque dentro do aeroporto. Água gelada, lenço umedecido e snacks são amenidades bem-vindas após longas horas de voo.

Outra opção é usar transfer privativo do aeroporto até o hotel. Compare preços e compre aqui.

Táxis estão disponíveis na saída do aeroporto e a corrida custa cerca de HKD 270.

Você também pode usar o Airport Express, o trem rápido que liga o aeroporto ao centro da ilha de Hong Kong. Desça na Estação Central MRT que fica a 100m do hotel.

 

Curiosidades sobre o Mandarin Oriental Hong Kong

O elevador não tem o botão “fechar porta”, evitando a correria, nem o 4o andar. Os chineses são supersticiosos e a pronúncia do número 4 é similar à da palavra “morte”. Pensando bem, acho que eu também não desejaria subir até o andar da “morte”.

A barbearia do MO HK oferece o serviço de 1º corte de cabelo dos bebês, com direito a certificado acompanhado de uma mecha do cabelo para guardar de recordação.

Uma tradição hongconguiana é levar as meninas ao salão do MO HK para sua primeira manicure. Chique, não é?

 

Dicas Adri Lage sobre o Mandarin Oriental Hong Kong

Vale a pena se registrar como “Fan of MO”. Como fã do Mandarin Oriental, você ganha WiFi grátis e ofertas exclusivas da rede e parceiros no mundo todo, como upgrade de categoria, noites gratuitas e amenidades de boas-vindas.

Programe-se para jantar uma noite no Clipper Lounge. O buffet é concorrido porque é absurdamente delicioso, incluindo itens exclusivos como lagosta e ostras. Procure uma das estações onde o chef prepara macarrão dentro de uma peça de queijo parmesão e se entregue aos prazeres mundanos sem culpa.

Mandarin Oriental Hong Kong
Buffet de frutos do mar no jantar do Clippers Room no MO HK. Foto: Adriana Lage

 

O que você encontra no Mandarin Oriental Hong Kong

Spa, Fitness Center, Sauna, Piscina, Salão de Beleza e Barbearia, Serviço de quarto e lavanderia. Difícil dizer o que não tem no MOHK. O Business Center do hotel oferece aluguel de laptops e o concierge encontra solução para praticamente qualquer solicitação.

 

Acessibilidade

O Mandarin Oriental Hong Kong tem 12 suítes adaptadas para cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida.

 

Raio X do Mandarin Oriental Hong Kong

N. de quartos e suítes: 501

Diárias: A partir de USD 433 por noite para duas pessoas

Check in: a partir das 15h

Check out: a partir das 12h

Endereço: 5 Connaught Road, Central, Hong Kong.

Website: mandarinoriental.com/hong-kong

 

 

Planeje sua viagem para Hong Kong aqui:

Passagens aéreas baratas para Hong Kong 

Seguro viagem para Hong Kong com desconto. Digite o cupom ACAMMINARE10 para ganhar 10% de desconto.

Chip de internet para Hong Kong: EasySim4You e MySimTravel

Ingressos sem fila e tours em Hong Kong

Transfer do aeroporto para seu hotel em Hong Kong

Alugue um carro em Hong Kong

Faça cotação de dólares e euros aqui

Solicite seu Guia de Bolso ou seu Roteiro Personalizado by Adri Lage

Incentive nosso trabalho! É muito importante para nós! Ao contratar os serviços dos nossos parceiros pelos nossos links, você paga o mesmo valor se comprasse diretamente com eles, ganha até descontos exclusivos em alguns momentos e ainda nos ajuda a manter o site funcionando e atualizado, porque ganhamos uma pequena comissão na venda.

 

Viaje aqui também:
Golpe contra turistas na China. Cuidado!
Rooftop bars em Bangkok: os 7 melhores
9 meses de viagem pelo sudeste asiático: o que eu aprendi
Eastern & Oriental Express, viagem de trem épica na Ásia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.