Como é fazer um cruzeiro pelo Caribe. Foto: Angela Manta

Como é o cruzeiro pelo Caribe entre Natal e Ano Novo

Já fizeram um cruzeiro pelo Caribe? É uma experiência a ser vivida uma vez na vida. Procurei um roteiro que visitasse o maior número de ilhas, permanecesse menos tempo em alto mar e ainda incluísse o período de natal e ano novo. Encontrei exatamente o que eu queria: dez noites pela a Norwegian Cruise Line. Cinco ilhas, natal e ano novo em alto mar, 4 dias de navegação.

Planeje sua viagem acompanhando todas as dicas do A Camminare no Pinterest, divididas por país ou temas, e não perca as novidades!

Clique na foto para não perder este artigo e salve-o no Pinterest para acessá-lo sempre que quiser.

cruzeiro pelo Caribe entre Natal e Ano Novo  
Vários cruzeiros pelo Caraibe. Foto: Angela Manta
Gigante, o logo pode ser identificado à distância. Foto: Angela Manta

Foram dias incríveis. Em alto-mar, sentava na varanda da minha suíte, admirando o azul turquesa e a transparência da água, incrédula, embasbacada. É hipnotizante, passava horas e horas ali, o pensamento correndo livremente, ouvindo a água bater no casco do navio, perscrutando o mar em busca de um golfinho ou uma baleia. Em vão. O máximo que enxerguei foram peixes voadores e pássaros que nos acompanhavam.

Planeje sua viagem acompanhando todas as dicas do A Camminare no Pinterest, divididas por país ou temas, e não perca as novidades!
Baleias em Dominica. Foto: Adriana Lage
Durante um passeio em Dominica, encontramos pequenas baleias. Foto: Adriana Lage
 

Cruzeiro pelo Caribe entre Natal e Ano Novo

 

Chegando no pier

Mas vamos começar pelo porto. A chegada ao porto de Miami e o embarque são tranquilos. Os taxistas conhecem bem o esquema e te deixam no local certo de seu embarque. Em uma longa calçada coberta, funcionários uniformizados lhe pedem o voucher do navio para etiquetar sua bagagem e ali elas ficam.

Chegada no porto de Miami
Atendimento rápido e fácil. Bem americano. Foto: Angela Manta
 

Seguimos para o edifício onde passamos pela imigração, assim como acontece em aeroportos. Muito simples.

Porto de Miami
Até as esteiras rolantes são iguais às do aeroporto. Foto: Adriana Lage
 

Ao sair do outro lado, você se depara com aquela máquina titânica boiando sobre a água, encostada no pier para embarcarmos. Impossível não se maravilhar com tamanha grandeza. Entramos no navio, recepcionados pela equipe sorridente e alto astral e aguardamos nas áreas comuns até liberarem o acesso aos quartos.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.
Suíte com varanda no cruzeiro Norwegian Sun
Nossa suíte tem varanda, mas não é dos mais espaçosos. Foto: Angela Manta
 

Todos a bordo

Enquanto isso, vamos desbravando este gigante que me faz pensar na capacidade de criação humana. Boa parte dos viajantes são americanos e canadenses, mas há muitos brasileiros também. Para quem está acostumada a andar de avião, o navio me surpreendeu, pela imponência de seu dimensão e pela quantidade de pessoas embarcadas.

Uma verdadeira cidade. Suítes de todos os tamanhos alinham-se ao longo de corredores intermináveis, inúmeros restaurantes servem cozinhas variadas, a área de lazer é mais que completa, bar, teatro, academia de ginástica. Para quem gosta de descanso, sem se preocupar com horário, e deixar-se levar, aconselho a experiência.

Siga @adri.lage no Instagram e acompanhe em tempo real minha viagem de volta ao mundo.
Corredores do navio de cruzeiro
Compridos, às vezes perdíamos o equilíbrio com o balanço do mar. Foto: Angela Manta
 

Partida ao som do apito do navio

Na hora da partida, ouvimos o apito rouco do navio, que se repete em cada despedida das ilhas, sempre ao entardecer, o sol tingindo os morros e o mar de dourado. Este som marcará para sempre a viagem, é de arrepiar.

Por do sol durante a saída do navio
Em um cruzeiro pelo Caribe, não perca um por do sol. Aqui nos despedindo de Barbados. Foto: Angela Manta
 

Ficamos observando Miami passar por nós, diminuindo, sumindo no horizonte.

Miami Beach skyline
Miami Beach fica para trás. É hora de partir. Foto: Angela Manta
 

Enfim em alto-mar. Dois dias de navegação. Perfeito. Assim posso descansar de toda a agitação que é minha vida. Rotina básica de férias: dormir, acordar, tomar café, fazer esteira olhando o mar, tomar sol, comer, descansar, repetir.

E chega a noite de natal. No restaurante à la carte, menu especial com o prato típico americano Surf & Turf, filé mignon e lagosta acompanhados de vinho.

Bife com lagosta, surf and turf
Bife com lagosta, tipicamente americano. Foto: Adriana Lage
 

No saguão principal, canções natalinas cantadas pelos músicos a bordo. Foto clássica na árvore enfeitada com o comandante, turma feliz com copos à mão celebrando o momento. O clima de natal está no ar.

Decoração natalina durante cruzeiro pelo Cariabe
Crianças e adultos param para admirar as fofurices. Foto: Angela Manta
 

Dormimos ansiosas, aguardando nossa primeira parada, St Thomas, nas Ilhas Virgens Americanas, no dia seguinte.

 

De ilha em ilha no Caribe

É delicioso acordar cedinho e ver o navio se aproximando das ilhas, como se nos chamassem a desbravá-las. Muitas vezes, encontramos outros navios e essa grandiosidade toda junta me impressionava, passando pela minha varanda.

Viaje mais: Top 11: ilhas paradisíacas para curtir praias desertas
St Thomas, Ilhas Virgens Americanas. Foto: Angela Manta
Duas imensas cidades marítimas ancoradas antes de nós. Foto: Angela Manta
 

Como temos apenas algumas horas em solo, desejo aproveitar cada segundo. Agentes de turismo locais aguardam no pier passageiros que preferem explorar a ilha de maneira autônoma em vez de comprar um das dezenas de tours oferecidos pelo navio.

Por ser minha primeira experiência, optei pelo passeio com o navio. Apesar de ser um pouco mais caro, considerei ser mais seguro. E o medo de voltar ao porto e descobrir que seu navio partiu sem você? Afinal era alta temporada, eu não conhecia as ilhas e não quis correr riscos.

Mirante na ilha de Santa Lúcia. Foto: Angela Manta
Vista estonteante em Santa Lúcia! Foto: Angela Manta
 

Foram cinco dias seguidos de visitas. Depois de St. Thomas, fomos a Dominica, Barbados, St. Lucia e St. Marteen, nessa ordem.

Praia em St Martin. Foto: Angela Manta
Sim, é de verdade! Foto: Angela Manta
 

Em cada ilha, é possível visitar a região do porto, repleta de lojas, muitas delas joalheiras, provar a culinária local em um restaurante típico e maravilhar-se com suas praias ou florestas, dependendo de sua escolha.

Papagaios de Dominica no Jardim Botânico
Correndo o risco de extinção, os papagaios de Dominica são cuidados no Jardim Botânico. Foto: Adriana Lage
 

Afinal será difícil sair de praias banhadas por águas escandalosamente belas em tons de azul turquesa, safira, celeste e todos os outros que compõem a paleta de cores azuis.

Viaje mais: Musha Cay, a ilha de David Copperfield nas Bahamas
Barbados, cruzeiro pelo Caribe
Olha a cor dessa água em Barbados! Foto: Adriana Lage
 

Navegação e muita festa

Voltando, mais dois dias de navegação. Esta é a hora de aproveitar as inúmeras opções de entretenimento oferecidas pelo navio ou descansar do batidão das visitas.

Para o gran finale, a animada festa de ano novo antes do desembarque no dia 01, em Miami. Ali, a tradição é usar branco na noite do dia 30, na festa à beira da piscina. Dia 31 todos usam roupas elegantes, leia-se muito preto. Reconhecemos os brasileiros porque só eles (nós) estão todos de branco.

Festa de ano novo durante cruzeiro pelo Caribe
Euzinha toda trabalhada no branco para o ano novo. Amei fazer o cruzeiro pelo Caribe nesta data. Foto: Angela Manta
 

O que mais me encantou? A alegria do povo onde passamos e a cor do mar. Que água é aquela!

Que ilha mais gostei no Caribe? Difícil dizer, todas lindas, cada uma com personalidade própria.

Um momento inesquecível? Passar o ano novo em festa ao ar livre em pleno alto-mar, no último andar da embarcação, e ouvir o apito grave do navio à meia-noite com o vento batendo em meu rosto.

Viaje mais: 6 ilhas do Caribe: qual delas tem a sua cara?
 

Cruzeiro pelo Caribe – nosso itinerário

Norwegian Sun, cruzeiro pelo Caribe
Nosso lindo navio à nossa espera em Dominica. Foto: Angela Manta
 

22/12 – saída de Miami

23/12 – navegação

24/12 – navegação

25/12 – St. Thomas, Ilhas Virgens Americanas

26/12 – Dominica

27/12 – Barbados

28/12 – St Lucia

29/12 – St Marteen

30/12 – navegação

31/12 – navegação

01/01 – desembarque em Miami

 

Dicas para fazer um cruzeiro pelo Caribe

Saindo de Miami no cruzeiro Norwegian Sun
Os deques do navio são ótimo lugar para apreciar a imensidão do mar azul. Foto: Angela Manta
 

Identifique muito bem sua bagagem para evitar confusão na hora de retirá-las no desembarque. Use fitas coloridas, berrantes, para enxergá-las de longe e ninguém levá-las por engano.

Escolha uma suíte com varanda para você acordar e dormir ouvindo o barulho do mar e ver a paisagem ao amanhecer.

Analise bem cada itinerário. Observe se o navio passa mais tempo em alto-mar do que em ilhas.

Planeje chegar pelo menos com um dia de antecedência à cidade de embarque do cruzeiro. Assim, evita perder o navio caso aconteça algum imprevisto de atraso, desvio de rota ou cancelamento de voo.

 
Viaje aqui também:
Glaciar Upsala na Patagônia Argentina: 6 motivos para ir já
O que fazer em Key West, roteiro completo
Holbox, a nova ilha do Caribe para ir de Cancun
Frases de viagem: inspire-se nessa galeria

Planeje Sua Viagem

Passagem

Faça cotação de passagens baratas.​

Hotel

Encontre seu hotel mais barato.

Internet

Saia com chip ativado do Brasil.

Seguro

Seguro viagem com 10% de desconto.

Ingressos

Compre tours e ingressos sem fila.

Dólar

Compare a cotação de várias moedas.

Transfer

Reserve seu transfer do aeroporto.

Carro

Alugue carro sem IOF em Reais.

Visto

Tire seu visto com quem resolve.

Tira dúvida

Tire dúvidas do seu roteiro de viagem.

Guia de Bolso

Peça o guia com dicas Adri Lage

Roteiro

Seu roteiro de viagem personalizado.

Incentive meu trabalho! Ao contratar os serviços dos parceiros pelos links do site, você paga o mesmo valor se comprasse diretamente com eles, ganha até descontos exclusivos e me ajuda a manter o site atualizado, porque ganho uma pequena comissão na venda.

Quem aí já fez um cruzeiro pelo Caribe? Conte para nós como foi!

O artigo Como é o cruzeiro pelo Caribe entre Natal e Ano Novo você leu primeiro aqui no A Camminare.

Tags: cruzeiro no Caribe – cruzeiro pelo Caribe – cruzeiro no Natal – cruzeiro no Ano Novo

6 comentários sobre “Como é o cruzeiro pelo Caribe entre Natal e Ano Novo

  1. Olá!
    Existe algum grupo onde posso saber de experiências de um cruzeiro especifico?
    Em breve farei um Cruzeiro: Fort Lauderdale > Cozumel > Honduras > Belize > Ilhas Cayman e não acho nenhum relato.
    Obrigada!

    1. Olá Karen, no facebook tem dois grupos grandes sobre cruzeiros: “Cruzeiros: Nós amamos e queremos mais!” e “Cruzeiros”.
      Entre nos grupos e pergunte sobre o seu navio em específico.
      Lembre-se de mencionar a companhia.
      bjs e boa viagem!

  2. Adorei esta dica de passagem de Natal e Ano Novo num cruzeiro. Vou me planejar para este ano!!! Mas o Miño cruzeiro que fiz por aqui em Santos até Búzios, bate exatamente com sua descrição…é maravilhoso olhar para a imensidão do mar, para o céu e vê-los se encontrando num infinito!!! E ouvir o apito do Navio, ( o som rouco que vc citou achei ótimo!!) é inesquecível!!

    1. oi Selena!
      fiquei feliz por ter gostado da dica!
      Foi inesquecível mesmo!
      Planeje-se com antecedência para conseguir os melhores preços e cabines. Quanto mais cedo, mais barato. Tente pegar uma cabine com vista para o mar, é uma delícia acordar olhando para o mar e ver o navio se aproximando da próxima parada.
      Beijos e Feliz Ano Novo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.