Cicmany, vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia

Uma joia escondida na paisagem rural do país, Čičmany é o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Aninhada nas Montanhas Strázov no noroeste do país, encanta os visitantes pelas lindas casas pintadas de branco. A vila parece a reprodução em tamanho real dos biscoitos de natal confeitados.

Na tranquilidade de Čičmany (pronuncia-se tchitchmani), nem mesmo o vento sopra. Simples e pacata, retrata fielmente a vida rural eslovaca. Pairava um tanto de mistério no ar quando chegamos, as ruas desertas e a ausência de turistas. Cidade abondonada?, me perguntei. Certamente não, as casas estão muito bem preservadas.

Lentamente, fomos encontrando moradores esboçando sorriso tímido e feliz por nossa visita. E, aos poucos, fomos aprendendo sobre seus costumes, história e cotidiano.

Fim de inverno tardio na estrada próximo a Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Fim de inverno tardio na estrada próximo a Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
A placa indicativa na estrada atrai visitantes que desconhecem Cicmany, o vilarejo das casas pintadas de branco na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
A placa indicativa na estrada atrai visitantes que desconhecem Cicmany, o vilarejo das casas pintadas de branco na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Ruas tranquilas e cenário rural em Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Ruas tranquilas e cenário rural em Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Cenário rural no vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Cenário rural no vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Dezenas de fotos nas fachadas de Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Dezenas de fotos nas fachadas de Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

O vilarejo das casas rendadas na Eslováquia

Há centenas de anos, por razões desconhecidas, as mulheres locais começaram a decorar o exterior de suas casas com motivos artísticos. Identifico formas geométricas abstratas, animais, flechas, trevos e corações. Algumas remetem às montanhas e outros traços parecem terem saído de pincéis segurados por mãos infantis.

A inspiração para os desenhos é conhecida, pois são os mesmos aplicados nos bordados de trajes típicos e toalhas de mesa. Representam um dos tesouros da cultura eslovaca, importado pelos imigrantes húngaros.

Mas o motivo exato que levaram os nativos a enfeitarem as casas é desconhecido. Sabe-se que as mulheres adornavam apenas os cantos das casas com lama e depois passavam cal. A partir do século 19, as formas geométricas e a pintura em todo o exterior das residências foram acrescentadas.

Viaje mais: O que fazer em Viena: Roteiro de 3 dias completo!

Há 140 casas em Cicmany, na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Há 140 casas em Cicmany, na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Detalhe de fachada em Cicmany, vilarejo das casas pintadas de branco na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Detalhe de fachada em Cicmany, vilarejo das casas pintadas de branco na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Cicmany, vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Companheira de viagem, minha mãe adorou conhecer Cicmany, na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Involuntariamente, a prática acabou atingindo outro objetivo. Além de bonitos, os desenhos são úteis. A tinta branca é um verniz composto com cal que protege e conserva a madeira da decomposição em virtude da exposição ao tempo, aos raios solares e à neve.

À primeira vista, elas parecem iguais no tamanho e traço arquitetônico. Chaminés dormentes durante o verão e janelas de sótãos compõem telhados típicos de moradias onde o inverno é rigoroso. A inclinação das coberturas é propícia quando o inverno chega, para não deixar neve acumular.

Enlouqueci com as janelas de madeira envernizada. Vasos coloridos, enfeites e cortinas rendadas começam a mostrar a identidade de cada moradia. Aguço a atenção e percebo que cada casa usa diferentes padrões geométricos, linhas cruzadas e espiraladas, círculos…

Planeje sua viagem pegando no Pinterest todas as minhas dicas divididas por país ou temas. Acesse este link e me siga para não perder as novidades.
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Corações, círculos, losangos, alguns dos desenhos geométricos em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Reflexos de outras fachadas na janela de casa em Cicmany, vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Detalhes trazem identidade às casas pintadas em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Cortinas, vasos e enfeites nas janelas de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Fachadas das casas pintadas de branco em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Fachadas das casas pintadas de branco em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Lendas e superstições eslovacas

Curiosa, pergunto se eles simbolizam pedidos de proteção e há discordância nas respostas. Alguns dizem que sim, outros dizem que não. No entanto, lendas e superstições existem e são praticadas pelos eslovacos. É costume colocar um martelo ao lado da cabeceira da cama durante o parto de um menino. Para eles serem mais fortes, revela a guia.

Faço a pergunta seguinte: e as meninas? O olhar surpreso da guia me faz sorrir, como se a indagação fosse absurdamente óbvia. “Agulhas, para que sejam exímias costureiras”, conclui. Uma grávida saberá o sexo do bebê quando a primeira visita chegar à sua casa na véspera de Natal. Se for mulher, a criança será menina.

Imersa em meus pensamentos, penso como o ser humano é igual em todo o mundo.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube e inspire-se em nossos vídeos de viagem.
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Janelas enfeitadas dão toque personalizado nas casas do vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Igreja de arquitetura típica em Cicmany, vilarejo na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Igreja de arquitetura típica em Cicmany, vilarejo na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

História de Čičmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia

A origem do nome do vilarejo é bastante pitoresca e existem registros sobre ela desde o ano 1272. Čičmany advém de uma palavra eslovaca que remete ao barulho que o lenhador faz quando está cortando a madeira.

A vila sofreu um grande incêndio em 1921 e durante a Segunda Guerra mais danos foram causados. No entanto, os imóveis foram restaurados em sua forma original e não percebemos os resquícios.

Čičmany é bem pequena, cerca de 200 habitantes moram em 140 residências. Alinhados na mesma rua, o mercado, o bar e a prefeitura favorecem o movimento do vilarejo.

Siga @adri.lage no Instagram e acompanhe em tempo real sua viagem de volta ao mundo.
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Pintada de vermelho, a janela desta casa em Cicmany se destaca. Eslováquia Foto: Adriana Lage
Desenhos de aves nas fachadas de Cicmany, vilarejo de casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Desenhos de aves nas fachadas de Cicmany, vilarejo de casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

A vila foi declarada Patrimônio Mundial da Unesco e seus costumes e tradições são mantidos não só no museu, mas no cotidiano dos moradores. Sua importância pode ser vista, por exemplo, no uniforme das equipes eslovacas dos Jogos de Inverno de 2014, inspirado nos desenhos das casas de Čičmany.

As construções mais bem preservadas são o Museu Radenov dom e a vizinha Gregorov dom. Elas abrigam uma exibição etnográfica, em que os visitantes aprendem mais sobre a história e o folclore da região, ainda praticado. Apenas essas duas estão abertas à visitação.

O café é boa opção para um descanso rápido e a lojinha vende artigos com lã de ovelha como souvenir, marcas de um passado recente. Čičmany foi centro de criação de ovelhas importante até os anos 1950.

Viaje mais: Outros Patrimônios da Humanidade para você conhecer em viagens

Sobrado que abriga o Museu Radenov Dom em Cicmany, Eslováquia, tem dois andares. Foto: Adriana Lage
Sobrado que abriga o Museu Radenov Dom em Cicmany, Eslováquia, tem dois andares. Foto: Adriana Lage
Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Formas geométricas variadas distinguem cada casa no vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
No museu, Radenov Dom reprodução do interior de residência em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
No museu, Radenov Dom reprodução do interior de residência em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
A fachada do Museu Radenov Dom é uma das mais elaboradas em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
A fachada do Museu Radenov Dom é uma das mais elaboradas em Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Festas folclóricas tradicionais no interior da Eslováquia

Quando a primavera chega, o vilarejo de Čičmany se enche de vida. Shows de música, dança e canto alegram os visitantes. As festas folclóricas seguem até o fim do verão, mantendo e divulgando a herança cultural da região.

Ótima oportunidade de conhecermos o modo de vida dos locais. Os artistas vestem trajes típicos coloridos e bordados com os mesmos desenhos aplicados nas casas. As festividades acontecem do fim de maio a meados de setembro.

Datas e mais informações, envie email para [email protected] ou acesse o site eslovaco do museu (www.pmza.sk).

Desenhos geométricos nas fachadas das casas pintadas em Cicmany na Eslováquia remetem aos tecidos bordados. Foto: Adriana Lage
Desenhos geométricos nas fachadas das casas pintadas em Cicmany na Eslováquia remetem aos tecidos bordados. Foto: Adriana Lage
Vida tranquila em Cimany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Vida tranquila em Cimany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Como chegar a Čičmany, o vilarejo das casas pintadas na Eslováquia

Carro é a melhor maneira de chegar a Čičmany. Nós estávamos percorrendo um roteiro de Budapeste a Praga e paramos no vilarejo no meio do caminho.

O vilarejo é bem pequeno e não há estação de trem ou rodoviária. Para usar transporte público, você descerá numa cidade próxima e continua até Čičmany de táxi.

Viaje mais: Multas de trânsito no exterior, dicas importantes e cuidados

Estrada próximo a Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Estrada próximo a Cicmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Como ir para Čičmany de trem

De Bratislava – 3h de viagem, entre USD 8-12 a passagem

Trens parte a cada hora até a estação Posvazska Bystrica.

Dali pegue um táxi USD 55-70 até Čičmany, cerca de 40min.

Como ir para Čičmany de ônibus

De Bratislava – 4h30 a 5h de viagem, entre USD 10-14 a passagem

A linha 102508 parte uma vez ao dia via SAD Humenne.

Tem que madrugar, o ônibus sai às 5am.

Desembarque na estação Nitrianske Pravno.

Dali pegue um táxi até Čičmany USD 30-40, cerca de 30 min.

É um ônibus branco com faixa vermelha na frente e os retrovisores também em vermelho.

Residências de inverno em cenário bucólico na Eslováquia, perto de Cicmany. Foto: Adriana Lage
Residências de inverno em cenário bucólico na estrada a caminho de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Quanto tempo para visitar as casas pintadas na Eslováquia

A visita ao vilarejo de Čičmany é rápida. Uma hora é suficiente para caminhar entre as casas rendadas, visitar os museus e a igreja.

Janela em Cicmany, vilarejo das casas pintadas na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Turistando em Cicmany, na Eslováquia, apaixonada pelas casas pintadas de branco. Foto: Adriana Lage

Ofertas especiais de hotéis na Eslováquia

Aproveite estas ofertas na Eslováquia. Reserve acima de R$ 1.000,00 através do link abaixo e ganhe 1h de consultoria de viagem ao vivo grátis com Adriana Lage para tirar todas as suas dúvidas de viagem.

Booking.com

Dicas para quem vai a Čičmany, o vilarejo das casas rendadas na Eslováquia

O castelo Bojnice, uma das principais atrações da Eslováquia, fica a 40 km de Čičmany e o passeio pode ser combinado no mesmo dia.

Interagir com os locais é uma experiência memorável. Alguns não falam inglês, mas o calor, a hospitalidade e o esforço deles em se comunicar são tocantes.

No fim da tarde há mais chances de você encontrar os moradores pelas ruas.

As casas rendadas de Cicmany na Eslováquia foram declaradas Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Foto: Adriana Lage
As casas rendadas de Cicmany na Eslováquia foram declaradas Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Foto: Adriana Lage
Igreja de arquitetura típica em Cicmany, vilarejo na Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Igreja de arquitetura típica em Cicmany, vilarejo na Eslováquia. Foto: Adriana Lage

Museu Radenov dom

Horário de funcionamento

Junho a agosto

Segunda a sexta: 9:00 às 16:00

Sábados e domingos: 8:00 às 17:00

Setembro a maio

Terça a sexta: 9:00 às 16:00

Sábados e domingos: 8:00 às 17:00

Segundas: fechado

Radenov dom Čičmany, o vilarejo rendado na Eslováquia

O quê: atração na Eslováquia para ver casas pintadas de branco

Onde: 175km a noroeste de Bratislava

Quanto tempo: aproximadamente duas horas de carro

Janelas enfeitadas dão toque personalizado nas casas do vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Janelas enfeitadas dão toque personalizado nas casas do vilarejo de Cicmany, Eslováquia. Foto: Adriana Lage
Viaje aqui também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *